Instagram

Instagram

sexta-feira, 27 de maio de 2011

Dilma diz que caso Palocci está sendo politizado



CLAUDIA ANDRADE
Direto de Brasília
A presidente Dilma Rousseff afirmou nesta quinta-feira que a questão envolvendo o aumento do patrimônio do ministro da Casa Civil, Antonio Palocci, está sendo politizada. Ela criticou as denúncias feitas na quarta-feira pela oposição de que um cliente da empresa de consultoria de Palocci teria recebido a restituição do Imposto de Renda Pessoa Jurídica logo após o primeiro turno das eleições e, em seguida, feito uma doação à campanha de Dilma.
"Quero assegurar que o ministro Palocci está dando todas as explicações para os órgãos de controle. Espero que esta questão não seja politizada como foi o caso do que aconteceu ontem, um caso lastimável", disse a presidente sobre a denúncia. Na quarta-feira, deputados tucanos apresentaram novas denúncias contra Palocci, segundo dados do Sistema Integrado de Administração Financeira (Siafi) do governo federal. O deputado Fernando Francischini (PSDB-PR) afirmou que, de acordo com as informações obtidas pelo Siafi, Palocci teria praticado tráfico de influência para beneficiar a então candidata do PT à presidência da República em 2010, Dilma Rousseff.
"A Justiça determinou à Fazenda o pagamento da restituição devida à empresa. Não se trata de maneira alguma de nenhuma manipulação. Lamento que um caso desse tipo esteja sendo politizado", acrescentou. A presidente ressaltou que "nos próximos dias" Palocci dará "todas as explicações para os órgãos de controle, inclusive para o Ministério Público".
Palocci é alvo de acusações desde 15 de maio, quando uma matéria publicada no jornal Folha de S. Pauloafirmou que o ministro aumentou seu patrimônio em 20 vezes entre 2006 e 2010. Segundo a reportagem, o faturamento da empresa do ministro, a Projeto, superou R$ 10
milhões entre novembro e dezembro de 2010, quando ele coordenava a equipe de transição de governo.

www.terra.com.br

quinta-feira, 26 de maio de 2011

Colaboradores do Litoralmania divulgam a região em evento nacional em São Paulo

Depois de permanecer por sete meses na Alemanha a exposição de banners e fotos sobre a imigração alemã no Litoral Norte do Rio Grande do Sul - trabalho de quatro anos de pesquisa do fotógrafo osoriense Tiago Lopes Trespach e do escritor e colunista do Portal Litoralmania, Rodrigo Trespach estará em exibição no Brasil. 

Com o nome de Imigração Alemã para o Sul do Brasil - colônia de Três Forquilhas a exposição fará parte da Maifest 2011, que ocorre nos dias 28 e 29 de maio, no Brooklin, em São Paulo.

Rodrigo também estará expondo seu livros sobre a imigração alemã no sul do Brasil, representando a AELN - Academia de Escritores do Litoral Norte/RS e junto com Tiago L. Trespach divulgando a região.

XII Maifest - Inovação Cultural - Identidade, Conexão, Integração Alemanha e Brasil

A Maifest é um evento multicultural que faz parte do calendário oficial da cidade de São Paulo e é realizado anualmente, no mês de maio, no quadrilátero formado pelas Ruas Joaquim Nabuco, Princesa Isabel, Barão do Triunfo e Bernardino de Campos. 

A festividade, que comemora a entrada da primavera na Alemanha, é organizada pela AEMB - Associação dos Empreendedores e Moradores do Brooklin e o ativista cultural Luiz Delfino Cardia. São esperadas cerca de 120 mil pessoas nos dois dias de evento que reúne cultura, literatura, fotografia, cinema, gastronomia e danças típicas alemãs, além de várias outras atividades e apresentações artísticas multiculturais.

Ainda representam o Rio Grande do Sul na Maifest deste ano o grupo The Schneiders, de Quinze de Novembro, e o documentário Da Pomerânia a Ibirubá - A Saga de um Povo, documentário do município de Ibirubá.
www.litoralmania.com.br

Publicada lei que proíbe venda de tinta spray para menores de 18 anos


O Diário Oficial da União publica hoje (26) a lei que proíbe a venda de tintas em embalagem aerosol para menores de 18 anos. A lei também descriminaliza a grafitagem.

De acordo com a nova lei, o spray só poderá ser vendido para maiores de idade, mediante a apresentação de um documento de identidade e com nota fiscal emitida em nome do comprador.

A nova lei diferencia pichação de grafitagem e estabelece que as latas de tinta em aerosol terão de trazer inscritas as expressões: "Pichação é Crime" e "Proibida a Venda para Menores de 18 Anos". O comerciante que infringir a lei será punido com multa e suspensão parcial ou total das atividades.

A grafitagem não será considerada crime se for "realizada com o objetivo de valorizar o patrimônio público e privado mediante manifestação artística, com consentimento de seus proprietários". Pela lei atual, tanto pichar quanto graffitar são crimes, com pena de detenção de três meses a um ano.

Os fabricantes, importadores ou distribuidores dos produtos terão um prazo de 180 dias, após a regulamentação da lei, para fazer as alterações nas embalagens.


sexta-feira, 13 de maio de 2011

Caso Tairone: comissão debate violência da BM contra negros no RS

Caso Tairone: perícia irá determinar se buraco em asfalto foi causado por projétilCoordenada pela deputada Ana Affonso (PT) a Comissão de Cidadania e Direitos Humanos, realizou na noite de quinta-feira (12) audiência pública para debater a Violência de Policiais Militares contra Jovens Negros no RS. A CCDH continuará debatendo a questão e acompanhando os inquéritos policiais instaurados.
 
Ana Affonso destacou que todos os temas que tocam a questão dos Direitos Humanos tem acolhimento na CCDH, que foi pioneira nos parlamentos estaduais brasileiros. Para a deputada o racismo está institucionalizado e a questão precisa ser melhor enfrentada também pela instituição Brigada Militar. Ela ressaltou a importância da formação dos integrantes da corporação em conteúdos de direitos humanos como forma de humanizar todo o processo de abordagem realizada pelos policiais militares.
 
Como encaminhamento da audiência pública, a deputada Ana Affonso sugeriu que se aprofunde o debate sobre questões de segurança dentro da CCDH, inclusive com a presença da cúpula dos órgãos de segurança pública do estado, além do acompanhamento do caso que envolve o estudante Helder Souza Santos.



Ler na íntegra: http://www.litoralmania.com.br/noticias.php?id=27437

segunda-feira, 9 de maio de 2011

Homem é preso ao furtar antena parabólica de residência


Foto: Rogério R. Bernardes/LitoralmaniaUm homem de 32 anos foi preso em flagrante pela Patrulha Rural da Brigada Militar, viatura 5357, furtando uma antena parabólica de uma residência, por volta das 10h, desta segunda-feira, na Rua Jorge Dariva, no Parque Real, em Osório.


Vizinhos da vítima viram a ação do criminoso e chamaram os policiais militares. De acordo com o próprio acusado, ele estava furtando a antena para vender e comprar droga.

Ele foi encaminhado à Delegacia de Polícia.

www.litoralmania.com.br

terça-feira, 3 de maio de 2011

Um novo blog

Estou realmente convencido que gosto muito de blogs. Agora não sei porque fico muitas vezes, vidrado, fissurado em alguns, que quando olho para o relógio já se passaram 20 minutos. Será que estou "viciado"? Bom,  pelo menos não estou na rua pensando besteira, aliás não poderia, pois estou em pleno horário de serviço. Eu por exemplo, já tive num total de 07 blogs. Nem tão bons assim, mas eu gostei tanto de criá-los que só fiquei com 04 (que é muito ainda).
Pois neste exato momento eu estou tendo mais uma ideia de criar um novo blog. Vou ver no que vai dar...Pode ser engraçado, ser triste, imparcial, desenhado... ainda a ideia está florindo... Até mais!! Se a minha criatividade for bem entendida...

segunda-feira, 2 de maio de 2011

Incêndio destrói pavilhão de escola em Santo Antônio da Patrulha

Na madrugada de domingo para segunda-feira (2), um pavilhão da Escola Estadual de Ensino Médio Profª Gregória de Mendonça, em Santo Antônio da Patrulha, veio abaixo, devido a um incêndio. A escola fica na Rua Daltro Filho, s/nº, em frente ao hospital da cidade As causas não são conhecidas. O fogo começou por volta da meia-noite e foi contido pelo Corpo de Bombeiros em torno das 4h.

O pavilhão estava interditado pelo Corpo de Bombeiros e pela Defesa Civil local desde abril de 2010, pois sua estrutura foi condenada. Até a data do incêndio, nada foi feito para a recuperação do mesmo por parte do Governo do Estado. A escola tem 89 anos e é a mais antiga do Município.

Além de destruir o pavilhão, o fogo corrompeu parte da estrutura do refeitório da escola, recém construído em março. Vidros foram estourados, janelas retorcidas e as telhas da lateral quebraram, pois o pavilhão caiu em cima das mesmas.


www.litoralmania.com.br